Problemas domésticos e nerdices

11 de agosto de 2007

Reviews: Blessed Light



Banda: Blessed Light
Origem: região de Seattle, EUA
Disco que eu conheço: Love Lights the Way

Com o que parece:
Com uma fita 8-track que você acha em uma Belina velha que você comprou para atravessar o país

Quote apropriada: Os anos 70 não precisam terminar

Porque eu gosto:
Eu sou meio sucker por hippie music, embora eu não seja fã de hippies em geral. Sabe, eu gosto de tomar banho e de gente com cabelo bem cortado. Mas a música era muito boa na era em que os hippies eram reis.

As guitarras são melódicas, quase são acústicas. Os vocais de quase todas as músicas fazem você pensar numa daquelas cenas de road movie em que três amigos estão viajando para ajudar um quarto que está prestes a se casar com uma menina louca e cometer a maior besteira da vida dele. Aí eles param em postos no meio do deserto e deixam o rádio ligado, tocando Great Northern. Daí, o filme acaba com os quatro dentro do carro, dirigindo em direção ao pôr do sol. Simplesmente assim.

E as letras falam de corações partidos, um tema muito ao qual todo mundo pode se relacionar. Todo mundo já se ferrou e pensou "é isso, eu vou pegar a estrada e não voltar nunca mais. A vida aqui acabou pra mim, ele me largou.". É por isso que uma frase como "I'm not fast enough to outrun memories of her" (de Great Northern) é tão boa.

Para baixar: Great Northern mp3
Mais no site: http://www.millpondrecords.com/?pageID=37

Um comentário:

Henrique disse...

Gostei muito dessa música. Me faz lembrar de uma banda pouco conhecida dos anos 70, que certamente merecia um maior destaqui da mídia: The Shaggs.