Problemas domésticos e nerdices

21 de setembro de 2009

Gerenciando o projeto que é a minha vida

Faz tempo que não escrevo nada, mas me deu uma vontade de anotar umas idéias, resolvi colocar aqui.

---

Eu não tenho muita facilidade para perceber o big picture (re: your brains), então eu arrumo dispositivos mentais que me ajudem a analisar as situações e priorizar sem precisar fazer um MBA.

Eu comecei então a pensar em todas as tarefas que tenho como parte de um projeto maior. Pode ser de vida, ou de trabalho, dá no mesmo. A questão é: como essa tarefa agrega para o objetivo final da empresa? Ou no caso, da minha vida?


E com isso vem a grande pergunta: qual é o meu objetivo final? Pra que eu estou vivendo minha vida, o que eu pretendo alcançar?

Pensei em algumas opções e, após muito pensar, eu apresento o plano 2009-2010 de resultados esperados:

- Me formar no japonês
- Ter uma vida financeiramente confortável
- Morar em outro país

Com isso, todas as ações precisam se conformar com algum desses objetivos, mesmo que tangencialmente. Às vezes, estudar italiano poderia parecer sem sentido, dado que meu objetivo é me formar no japonês, mas como o objetivo de morar em outro país pode requerer language skills que eu ainda não tenho, conjugar os dois cursos pode ser uma boa idéia. Só um exemplo.

Agora é focar em colocar todas as tarefas no lugar e gerenciar o projeto de vida, cortando excesso onde for necessário e fazendo com que o projeto seja bem lucrativo.